União Europeia financia 100 mil euros para combater Ébola em África

A União Europeia ajuda a Cruz Vermelha a combater o surto de Ébola na República Democrática do Congo.

A União Europeia aprovou o financiamento de 100 mil euros para combater a doença, nas operações do Uganda e Ruanda. A UE vai ainda financiar o combate à cólera no Zimbabué com 90 mil euros.

As ajudas financeiras à Cruz Vermelha têm por objetivo prevenir a transmissão do vírus e a deteção de casos e respetivos tratamentos.

Quanto ao caso do Zimbabué, o financiamento vai ajudar 15 mil pessoas residentes na zona do Harare, infetadas com o vírus que causa a cólera. Só em setembro deste ano, já morreram 48 pessoas com o vírus.

Adaptação da notícia publicada no Jornal i a 27 de setembro de 2018