Arquivo da categoria: Sem categoria

Dia da Mulher com protestos marcados em Portugal

Esta segunda-feira, o Dia Internacional da Mulher assinala-se em Portugal com protestos presenciais e online, com a intenção de reivindicar medidas contra a violência e desigualdade de género.

© Rui Manuel Fonseca / Global Imagens

A plataforma Greve Feminista Internacional vai estar presente na praça Luís de Camões, em Lisboa, e na praça do Marquês, no Porto. “Sabemos que a crise sanitária nos impôs restrições por razões de saúde pública, mas nas nossas vidas não existe tempo, nem lugar de espera, porque as violências, discriminações e desigualdades múltiplas já existentes se multiplicaram e aprofundaram”, admitiu uma porta voz do movimento, que reúne vários coletivos e associações feministas.

Também a Rede 8 de Março, outro conjunto de associações e organizações políticas, organizou uma assembleia online, marcada para as 18h e vários protestos na rua, em Braga, coimbra, Faro, Lisboa, Porto, Angra do Heroísmo e Ponta Delgada.

Os mais recentes dados do Instituto Europeu para a Igualdade de Género (EIGE) mostram que a pandemia reforçou os “conflitos sobre o equilíbrio vida-trabalho, especialmente para as mulheres com filhos pequenos”. Na primeira vaga de covid-19, mais de 2 milhões de mulheres perderam os seus postos de trabalho na União Europeia, e Portugal foi o 5.º país da Europa com maior perda de trabalho feminino, de acordo com os dados do segundo trimestre de 2020.

Adaptação de notícia da Agência Lusa, publicada no site da Rádio TSF a 8 de Março de 2021.

Portugal com resultado histórico nos Europeus de Pista Coberta

Durante a última semana, o hino português ouviu-se três vezes nos Europeus de Atletismo de Pista Coberta, em Torun, na Polónia.

© EPA/LESZEK SZYMANSKI

Os atletas Auriol Dongmo, Pedro Pichardo e Patrícia Mamona arrecadaram medalhas de ouro para Portugal, sagrando-se campeões europeus em lançamento do peso e triplo salto masculino e feminino, respetivamente.

Esta é a melhor participação de sempre para uma comitiva portuguesa num campeonato europeu indoor, mas Fernando Tavares, chefe da missão portuguesa, já tinha previsto estes resultados numa entrevista ao DN, antes da competição.

A vitória de Auriol Dongmo é particularmente importante, pois esta é a primeira vez que Portugal arrecada uma medalha na modalidade de lançamento do peso. “Disse para mim: ‘Auriol’, o primeiro é o teu lugar, não é de mais ninguém, e lancei com isso na minha mente.” contou a atleta, citada pela Federação Portuguesa de Atletismo.

No total, a comitiva portuguesa volta da Polónia com 26 medalhas, 10 delas nos saltos.

Adaptação de notícia de Isaura Almeida publicada no site do Diário de Notícias a 7 de março de 2021.

Comissão Europeia conta com a ajuda de Portugal para acelerar a produção de vacinas contra a covid-19

Thierry Breton, comissário do Mercado Interno, apela a que a presidência portuguesa da União Europeia (UE) possa ser uma mais valia nas negociações para acelerar a produção de vacinas contra o coronavírus.

© EPA/ARIS OIKONOMOU / POOL

A Comissão Europeia espera que Portugal tenha um papel ativo nas negociações para aceleração da produção de vacinas contra a covid-19. Durante a apresentação do novo plano de preparação contra o coronavírus, e face às novas variantes que estão a surgir, a Comissão salvaguardou a importância da realização de acordos de compra antecipada de vacinas, permitindo, assim, o seu fabrico.

Thierry Breton salientou o papel de Portugal, afirmando que é “muito significativo que a presidência portuguesa da UE tenha acordado promover esta discussão”.

Adaptação de notícia DN publicada no site do Diário de Notícias a 17 de fevereiro de 2021.

Portugal e Espanha retomam controlo de fronteiras

Apesar do controlo efectuado nos vários postos transfronteiriços montados, há excepções à entrada em Portugal, nomeadamente portugueses, trabalhadores e condutores de veículos em situação de emergência. Os dois países já tinham imposto medidas de controlo de fronteiras no início da pandemia.

O espanhol José António mostra a identificação, cujos dados são verificados na aplicação SEF Mobile
© PAULO SPRANGER / Global Imagens

Portugal e Espanha retomaram no início de fevereiro o controlo nas fronteiras. À semelhança do que já tinha acontecido no início da pandemia, no ano passado, todos os pesados e ligeiros são monitorizados. Em Caia, o terceiro posto de fronteira português com maior circulação, a grande maioria dos condutores tem justificação para passar e está informada sobre os procedimentos necessários para o poder fazer.

Em Portugal, as forças policiais que estão de vigilância às fronteiras são a Guarda Nacional Republicana (GNR) e o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF). Hélder Tavares, inspetor do SEF, afirma que, face ao início da pandemia, “há uma maior circulação de viaturas, mas as pessoas estão mais bem informadas”.

A reposição do controlo de fronteiras está em vigor desde o início do mês e vai manter-se até, pelo menos, dia 1 de março.

Adaptação de notícia DN publicada no site do Diário de Notícias a 14 de fevereiro de 2021.

União Europeia prepara sanções contra a Rússia por violação dos Direitos Humanos

Reunião de Ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia (UE) decorre após visita a Moscovo de Josep Borrell, alto representante da UE para os Negócios Estrangeiros e Política de Segurança.

Ministros dos Negócios Estrangeiros europeus exigem libertação de Alexei Navalny
© Yuri Kochetkov/EPA

A União Europeia (UE) está a preparar para breve a aprovação de sanções à Rússia por violação dos Direitos Humanos. A tomada de medidas foi decidida na reunião realizada entre os Ministros dos Negócios Estrangeiros da UE no passado dia 15 de fevereiro, após a visita de Josep Borrell a Moscovo. O alto representante concluiu que a Rússia está a afastar-se dos valores europeus e a negar-se a cooperar com Bruxelas.

No epicentro da discussão estão, entre outras coisas, a recusa da Russia em libertar Navalny, opositor do regime russo, e a afronta infligida a Borrell durante a sua visita à capital russa. As medidas repressivas consistem em proibir a entrada em território europeu de pessoas sancionadas, assim como o congelamento dos bens que tenham na UE.

Adaptação de notícia TSF publicada no site da Rádio TSF a 21 de fevereiro de 2021

Baguete francesa poderá ser candidata a Património Imaterial da Humanidade

Decisão sobre apresentação de baguete como candidata será tomada em França até ao mês de março.

Foto: Thomas Coex/AFP

França vai decidir até março se apresenta a baguete como candidata nacional a Património Imaterial da Humanidade da UNESCO, uma escolha que, para o padeiro lusodescendente Anthony Teixeira, pode ser positiva para garantir a confeção tradicional deste pão.

Para o padeiro, esta designação terá um impacto positivo não só para a imagem da baguete mas também para a protecção dos padeiros tradicionais contra as grandes superfícies: “Temos de a proteger e talvez através dessa nomeação, nós, os padeiros, sejamos mais protegidos também contra as grandes superfícies que estragam o método de bem produzir a baguete”.

Na corrida à nomeação francesa para a inscrição na lista do Património Imaterial da UNESCO em 2022 estão também os telhados de zinco de Paris e o festival das vindimas de Arbois. A decisão cabe agora ao Ministério da Cultura francês .

Adaptação de notícia TSF publicada no site da Rádio TSF a 21 de fevereiro de 2021.

Liga Europa: Benfica empata com Arsenal e deixa segunda-mão em aberto

A partida jogou-se em Itália e os dois golos foram marcados em apenas dois minutos, por Pizzi e Saka.

Foto Alberto Pizzoli/AFP

Benfica e Arsenal jogaram no passado dia 18 de fevereiro a primeira mão dos 16 avos de final da Liga Europa. A partida decorreu em Roma, devido às restrições impostas pela pandemia e acabou empatada a uma bola. A grande novidade do plantel encarnado foi o brasileiro Lucas Veríssimo, contratado em janeiro ao Santos.

A segunda mão será jogada no dia 25 de fevereiro em Atenas, no Estádio do Olympiacos.

Adaptação de notícia TSF publicada no site da Rádio TSF a 18 de fevereiro de 2021

Porto vence Juventus por 2-1 nos oitavos de final e vai a Itália defender a vantagem

Jogo decorreu no Estádio do Dragão na semana passada e marcou o regresso à Liga dos Campeões. O Futebol Clube do Porto é a única equipa portuguesa em prova.

Foto Ivan Del Val/Global Imagens

No passado dia 17 de fevereiro, o Futebol Clube do Porto recebeu o Juventus de Cristino Ronaldo naquele que foi o regresso às competições da Liga dos Campeões. O clube português ficou em vantagem logo nos primeiro minuto da primeira parte da partida, com um golo de Taremi.

Aos dezanove segundos do segundo tempo foi a vez de Marega aumentar a vantagem dos Dragões. A oito minutos do final da partida, Chiesa marcou o primeiro e único golo da Juventus. A 2ª mão dos oitavos de final terá lugar no dia 9 de março.

Adaptação de notícia TSF publicada no site da Rádio TSF a 17 de fevereiro de 2021.

Atletismo: Lorene Bazolo garante presença nos Europeus de pista coberta nos 60 metros

A atleta do Sporting esteve em Tomar e cumpriu a prova em 7,35 segundos, baixando dos exigidos 7,40 para marcar presença nos Europeus de Torun, na Polónia.

Fotografia: Srdjan Suki/EPA

Lorene Bazolo, atleta do Sporting Clube de Portugal, brilhou no torneio de Preparação dos campeonatos de Portugal de Atletismo, em Tomar, qualificando-se no passado dia 20 de fevereiro para os Europeus de Torun, na Polónia, ao cumprir 7,35 segundos na prova de pista coberta, nos 60 metros.

No torneio participaram também Manuel Dias, do União de Tomar, que se destacou nas provas combinadas, com 2957 pontos no heptatlo, 24 pontos acima do seu recorde pessoal.

Adaptação de notícia O JOGO publicada no site do Jornal “O JOGO” a 20 de fevereiro de 2021.

Poluição provocou quase 5 mil mortes em Portugal

Mesmo que a qualidade do ar tenha melhorado na Europa na última década, estima-se que tenham ocorrido milhares de mortes prematuras em decorrência de doenças relacionadas com a poluição: 417 mil óbitos em 2018 nos 41 países analisados no relatório – destes, 4900 só em Portugal. O relatório divulgado pela entidade esta segunda-feira foi feito com base em quatro mil estações de monitorização do ar na Europa durante o ano de 2018.
Mesmo que a qualidade do ar tenha melhorado, a poluição ainda é um grande problema. | Foto: @angelareinosa/Unsplash

A partir deste trabalho foi possível perceber que, dos 27 países da União Europeia, apenas seis (Bulgária, Croácia, República Checa, Itália, Polónia e Roménia) ultrapassaram o teto máximo de partículas finas estipulado na Diretiva dos Tetos Máximos das Emissões da Comissão Europeia. Portugal cumpriu todos os compromissos relativos à qualidade do ar impostos ao nível europeu.

“Os dados da Agência Europeia do Ambiente  provam que investir numa melhor qualidade do ar é investir numa melhor saúde e produtividade para todos os europeus. Políticas e ações que sejam coerentes com a ambição de ‘poluição zero’ na Europa conduzem a vidas mais longas e saudáveis e a sociedades mais resilientes”, sublinhou o diretor-executivo, Hans Bruyninckx, em conferência de imprensa.

Adaptação da notícia de JN/Agências publicada no Jornal de Notícias a 23 de novembro de 2020